Informação & Inovação

Dia dos Pais com alta nas vendas de 11,7%

Dia dos Pais

Dia dos Pais: Os comerciantes estão gradualmente retomando os negócios após os impactos da pandemia da Covid-19, avaliam entidades representativas do comércio brasileiro.

Após a passagem do Dia dos Pais, celebrado neste domingo, uma pesquisa do Índice Cielo do Varejo Ampliado (ICVA) mostrou que antes desta data comemorativa que 44% dos empresários acreditavam no aumento no volume de vendas, em relação ao ano passado.

As vendas na semana do Dia dos Pais, entre os dias 8 e 14 de agosto, tiveram alta de 11,7% na comparação com o mesmo período de 2021.

Dia dos Pais
Divulgação

Venda no Dia dos Pais cresce em lojas físicas 

O levantamento apontou que houve aumento de 9,2% nas vendas em lojas físicas e 33,0% pelo e-commerce.

Em relação às categorias relacionadas a presentes, que teve crescimento de 9,6%, os destaques foram Cosméticos e Higiene Pessoal (18,1%) e Óticas e Joalherias (14,2%).

Na sequência aparecem Vestuário (9,6%), Livrarias, papelarias e afins (+8,4%) e Varejo alimentício especializado (+3,3%).

Sudeste teve a maior alta de vendas

O Índice Cielo do Varejo Ampliado (ICVA) mostrou crescimento nas vendas em todas as regiões do país. A região Sudeste teve a maior alta, com 10,1%, seguida por Nordeste (9,3%), Centro-Oeste (8,8%), Norte e Sul, ambas com alta de 7,2%.

Já os estados com melhores desempenhos foram Minas Gerais (12,4%), Rio Grande do Norte (11,5%) e São Paulo (11,3%) .O clima econômico também potencializou as vendas.

A distância do domingo dos pais em relação ao começo do mês faz agosto ter um bom desempenho,  confirmando a tendência que vinha acontecendo ao longo de 2021, do crescimento do comércio a cada data de celebrações.

Dia dos Pais
Divulgação

Surgimento da data

O segundo domingo de agosto é a data reservada no Brasil para homenagear os pais. Aqui, o Dia do Papai foi instituído pelo publicitário Sylvio Bhering em 1953, na época diretor do jornal O Globo e da Rádio Globo, conforme registros do site de memória da empresa de comunicação. 

Inicialmente, a data escolhida era 16 de agosto, quando a Igreja Católica celebrava São Joaquim, pai de Maria, a mãe de Jesus.

O dia dedicado ao santo mudou, mas o oitavo mês do ano fez sucesso entre os comerciantes que ganharam um período para aquecer as vendas.

O Dia das Mães já existia, então a ideia foi: por que não ter também um Dia dos Pais?

Por Apvale.News – Robson Soares

Veja ainda:

Cartões de crédito deixarão de existir?

Aluguel residencial: preços caem em relação a Julho

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on whatsapp
WhatsApp