Informação & Inovação

Ubatuba vai cobrar taxa ambiental de turistas

Ubatuba adia cobrança

A prefeitura de Ubatuba pretende taxar turistas a partir deste ano com a denominada “Taxa de Proteção Ambiental” (TPA).

O objetivo segundo o executivo é arrecadar para investir na mitigação e compensação dos impactos socioambientais gerados pelo grande fluxo de pessoas que visitam Ubatuba.

O secretário-adjunto de Meio Ambiente, Guilherme Adolpho, declarou que o consórcio TF Green vai fazer a gestão da cobrança e haverá um repasse de 81% para o município de Ubatuba, por meio do Fundo do Meio Ambiente.

De acordo com o secretário-adjunto, a TPA será cobrada apenas dos turistas. “Podem ser solicitadas isenções dos valores nos locais destinados ao pagamento, por moradores ou prestadores de serviços do município, pois a taxa é direcionada ao turista”, explicou.

Ele destacou que não há previsão para o início da cobrança, mas deve acontecer ainda no primeiro semestre.

“O fator gerador será a entrada e saída da cidade, assim será feito o cálculo de quantos dias a pessoa irá pagar”.

O secretário informou ainda, que o consórcio vencedor da licitação irá instalar uma sede central para realização de pagamentos presenciais.

Ubatuba
PM: Praia Grande

Ubatuba será monitorada por Fotosensores

Serão colocados também diversos totens para pagamento ao longo da cidade, inclusive por aplicativos, para oferecer outras opções de pagamento aos cidadãos.

Ubatuba será monitorada por módulos fotossensores para identificação veicular. “O fator gerador será a entrada e saída da cidade, assim será feito o cálculo de quantos dias a pessoa irá pagar” segundo o secretário-adjunto de Meio Ambiente, Guilherme Adolpho.

Como será a cobrança diária?

*R$ 3 (três) para motocicletas

*$ 10 (dez) para veículos de pequeno porte

*R$ 15 (quinze) para veículos utilitários (caminhonetes e kombis)

*$ 30 (trinta) mais a taxa COMTUR para veículos de excursão (Vans)

*R$ 45 (quarenta e cinco) mais a taxa COMTUR para micro-ônibus e caminhões

*$ 70 (setenta) mais a taxa COMTUR para ônibus.

Ubatuba
PM

Prefeitura culpa o lixo…

Segundo Guilherme o aumento populacional na temporada impacta expressivamente no aumento da produção de lixo em Ubatuba:

“Temos um aumento significativo, hoje a gente mede esse aumento populacional com o lixo, por exemplo, Ubatuba gera cerca de 42 mil toneladas de lixo por ano, dessas 42 mil em torno de 25% é gerado somente entre dezembro e janeiro.”

A Lei também prevê uma série de veículos que serão isentos da taxa, como no caso dos que estejam de passagem rápida por Ubatuba, com período inferior a quatro horas.

Por Apvale.News – Robson Soares com informações site Pref. Ubatuba

Veja ainda:

Águia do Vale perde jogo e a liderança no Paulistão

McDonald´s: Russos vendem lanches á 2 mil reais

 

 

 

 

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on whatsapp
WhatsApp